Sejam todos bem-vindos ao Conhecimento Provisório!


 
InícioInício  CalendárioCalendário  GaleriaGaleria  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8
AutorMensagem
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Água oxigenada   Dom Nov 20, 2011 5:48 pm

Eu perguntei porque o ph da água oxigenada é ácido também, daí conjecturei que talvez pudesse ser usada como substituto.

Obrigado pelo esclarecimento.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Ormus for dummies   Sex Nov 25, 2011 8:44 pm

Tem uma série de livros de informática nominados "for dummies", que se destinam a usuários que querem dominar um determinado tópico. Daí o título deste post.

Caríssimo Carlos, torcedor do FC Porto, cá estão as dúvidas.

1) O genial Arnaldo Maccari citou no grupo Ormus-Brasil que o nosso velho conhecido ormus é o que se chama há tempos de elixir da longa vida, ou elixir da juventude. Está correto?

2) O troubleshooting do "making ormus" quando o ph desanda. Dá para salvar? Dá para "restartar" (como dizem em informatiquês aqui no Brasil) ou reiniciar?
Caso A: receita tradicional. Ph ao adicionar soda passa de 10,5. Vamos supor que chegou a 11.
Caso B: receita tradicional. Ao abaixar o ph com ácido, o ph chega a 2, isto passa muito abaixo do limite estipulado (entre 3 e 4).
Caso C: receita tradicional. Depois de subir e abaixar o ph, o incauto "ormunista" põe soda demais e passa de 7,5.

Nesses 3 casos basta adicionar soda ou ácido e retificar o ph até o parâmetro ultrapassado? Ou deve-se levar o ph a 7 e recomeçar tudo? Nesse caso, por ter um certo excesso de reagentes, é recomendável lavar mais o precipitado (acima de 3)?

As situações em comento ocorreram com um certo conhecido meu, se é que me faço entender. E todas numa mesma receita. Pobre de quem tomar esse ormus... Crying or Very sad



Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Ferreira

avatar

Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cachorro
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO   Sab Nov 26, 2011 3:36 am

Como é obvio, essa correção pode ser feita mas tem uma ressalva. Como adiciona mais produtos quimicos precisa lavar mais vezez para retirar essa carga quimica extra.

O Ormus prolonga a vida somente se houver o cuidado de aderir a todas as condições. Comer de forma a manter o PH geral do nosso organismo ligeiramente alcalino, manter a actividade fisica e intelectual, manter um controle absoluto sobre as emoções más, não as reprimindo mas evitando-as, praticando activamente as emoções boas tais como o amor ao proximo e a si mesmo, a boa vontade para com os outros, a vontade genuina de ajudar e desenvolvimento da espiritualidade. Sintetizando, sendo um ser humano genuino.

O amigo Arnaldo anda lá perto mas não está bem no ponto. Ormus não é o elixir da juventude. A Pedra Filosofal é. Mas para chegar à Pedra tem de se começar pelo Ormus. Aventei num outro poste que o Ormus era o segundo degrau em caminho à Pedra Filosofal e passo a explicar. O primeiro passo consiste no envolvimento do iniciado na preparação e toma de Ormus. Só depois desse passo pode começar a desenvolver as qualidades espirituais requeridas e este é o segundo passo. Só depois destes dois passos o aprendiz de Alquimista está pronto para iniciar o exercicio pelo método mais simples chamado "Via Húmida" o qual usa como matéria prima a urina do próprio aprendiz
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Etc   Sab Nov 26, 2011 4:42 am

Ok. E a chamada resistividade dá as caras tanto quando se adiciona ácido quando se adiciona base (soda). E é providencial para testar a paciência de quem faz ormus, senão seria um processo mecanicista.

Aliás, uma questão. Temos várias opções de ácidos para fazer ormus, já como base só conheci até agora a soda. Haveria outras bases compatíveis?

Por fim, aproveitando o ensejo, gostaria que o amigo relatasse o que ocorre na solução a partir dos parâmetros estipulados: abaixo de ph 3, e acima de ph 10.5. Por exemplo, pelo que entendi a partir do ph 10.5 começam a precipitar metais pesados na solução. O ormus mesmo só se liberta do precipitado quando o ph atinge 14, ou ele vai se libertando aos poucos?

Bom fim de semana a todos!

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Pedra filosofal   Sab Nov 26, 2011 5:16 am

Aproveitando essa abordagem teórica de alquimia, pedra filosofal e ovo filosofal são a mesma coisa?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Ferreira

avatar

Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cachorro
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO   Sab Nov 26, 2011 1:51 pm

A expressão "Ovo Filosofal" refere-se à retorta onde toda agestação se desenvolve. A matéria prima está lá dentro a preparar-se para ganhar vida, tal como a gema se encontra dentro da casca do ovo para o mesmo fim. No fundo é só mais uma das metáforas da Alquimia.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Etc   Sab Nov 26, 2011 2:06 pm

E quanto à dúvida anterior, ó douto doutrinador?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Ferreira

avatar

Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cachorro
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO   Sab Nov 26, 2011 5:43 pm

Devido á resistidade os elementos Ormuz procuram esconder-se até ao último momento possíve, depois soltam-se de uma vez procurando á o contrário não acontece porque o Ormus se encontra em solução com todos os outros elementos que se encontram na água quando esta está em PH1 ou 2. Portanto temos que há maior urgencia em acabar a operação rápidamente quando o PH atinge 14 do que quando atinge 1 ou 2.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
rafaeluroz

avatar

Localização : Sao Paulo (Brasil)

MensagemAssunto: Re: QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO   Sex Dez 02, 2011 7:40 pm

Estimados amigos e confrades
Passei rapidamente pelo forum pois na ultima semana estou trabalhando em uma empresa e as noites ficam para as traduçoes e os estudos (estas duas atividades nao dispenso nem doente, rsrsrs).
Mas gostaria, de comentar sobre as colocaçoes do amigos Carlos (concordando em tudo, obviamente), que nos meus estudos anteriores sobre as possibilidades da imortalidade atraves das diferentes doutrinas dentro de varios estudiosos cheguei a conclusao de que os itens primordiais eram, uma alimentaçao saudavel e prioritariamente alcalina e com a maioria de frutas da epoca (com jejuns programados e cuidadosos), agua da melhor qualidade (interna e externamente), exercicios moderados e agradaveis (principalmente Yoga, exercicios Tibetanos, Qi Gong), uma consciencia forte pautada na verdade, no bem e no amor, rejeiçao de qualquer vicio (como o Carlos diz, melhor controle do que rejeiçao), vida sexual regrada e amorosa com economia da energia sexual, consumo de suco integral de uvas pretas com semente, trabalho com o magnetismo humano e cosmico, meditaçao nos nomes de Deus, uma conciencia amorosa para com rodaqs as criaturas e...........
Sempre faltava alguma coisa, o que seria o ultimo ingrediente na formula da imortalidade e ai descobri o....Ormus, embora ja tivesse estudado modestamente um poico sobre a Grande Obra Alquimica (sem entender, muito confesso).
Percebam meus amigos que o que levei, anos estudando (inclusive em cursos Universitaris de Terapias Naturais), o estimado amigo Carlos colocou em quatro linhas e disse tudo, só precisamos ter LUZ na consciencia e isso o Ormus nos da graciosamete, junto com uma excelente saude.
Um brinde ao Ormus, ao amigos Carlos e a tdos voces, (um brinde com um bom Vinho do Porto).
Este novo ano de 2012 promete muita coisa boa, muita felicidade e muita LUZ, é o que espero e desejo a voces todos,
Rafael (Direto desde as terras abençoadas das Minas Gerais no Brasil)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Ferreira

avatar

Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cachorro
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO   Sab Dez 03, 2011 3:44 am

Estamos de novo na época Natalícia e não tendo eu a certeza de que Cristo nasceu nesta data festiva não me sinto inclinado a participar num festejo que pode estar no dia e mês errado com a agravante de que presentemente falar de Natal significa falar de consumismo com as campanhas publicitárias a empurrarem o comum mortal para despesas que muitas vezes nem está em condições de fazer. Espirito de amor pelo próximo há muito pouco e alegria genuina baseada em nos sentirmos felizes e direcionados é algo que existe pouco. Estamos assim festejando um Natal de plástico e luzes que nada tem a ver com paz na terra entre os homens de boa vontade. A despeito das minhas anteriores palavras, sinto-me porém emocionado nesta época desejando fervorosamente que todo o mundo possa partilhar da alegria e amor que me preenche. Por isso meus amigos desejo que nos vossos corações haja Natal, mas um Natal genuino.

Um Natal cheio de tudo o que mais desejem e um novo ano de realizações são os meus votos para todos/as vós
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Natal   Sab Dez 03, 2011 8:28 am

Essa controvérsia sobre a data do nascimento do Cristo é um detalhe a meu ver menor. Devemos nos lembrar é dos seus ensinamentos e tentar praticá-los de forma incessante, ter religiosidade nas ações e não simplesmente na forma externa e no ritualismo de um grupo específico.

O Natal é um época de tentar vivificar esses ensinamentos. Infelizmente a maioria exterioriza esse amor incondicional apenas ao seu círculo familiar e de amigos, mas já é um começo, pois somos imortais, não é mesmo?

Desejo aos amigos e professores (pelo menos para mim) deste fórum muitas felicidades, muita paz, muito discernimento e muita saúde. Tendo isto, o resto virá, com certeza, a seu tempo.

santa santa santa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Ormus e brotos   Sab Dez 10, 2011 2:52 pm

Prezados, uma dúvida me ocorre. Existe ormus nos brotos e sementes? Se o ormus é uma substância pró-vida, parece lógico que sim. Porém a informação de que exemplares de babosa com muitos anos de idade têm muito mais ormus parece ir em contraponto a essa idéia, em certos aspectos, pois se o ormus aumenta com a longevidade da planta, deduz-se que a planta nasceria com um manancial de ormus mínimo ou irrisório.

O raciocínio acima está falho em qual ponto?

O ormus se multiplica na planta de que forma? Ela o capta do ambiente por ser um ormus afim?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Ferreira

avatar

Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cachorro
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO   Dom Dez 11, 2011 4:30 am

Quando um bébé nasce tem o mesmo peso que quando se torna adulto ? Quem come pouco fica magrinho e quem come muito engorda Nééé? Quando se fala em cocientes não se está a falar de quantidades. Uma semente de pinheiro contém mais ormus proporcionalmente que todo o pinheiro quando crescer, mas o pinheiro adulto tem milhões de vezes mais quantidade de Ormus do que a sua semente. Só que em proporção com a sua massa o cociente por grama de matéria seca é menor do que o que acontece com a semente...não sei se expliquei ou se complquei. santa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Etc   Dom Dez 11, 2011 5:29 am

Se entendi, poderiamos fazer uma analogia com a densidade. Se o ormus fosse denso, diríamos que a semente é densamente carregada de ormus, e a planta adulta é pouco densa. Porém, se contarmos a quantidade de ormus na semente e na planta adulta, a planta adulta terá mais.

Correto?

E de onde a planta adulta obtém esse incremento da quantidade de ormus? Da nutrição? Da respiração? Ou o ormus se multiplica por si quando a planta cresce?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Sais de ormus   Dom Dez 11, 2011 6:29 am

Bem, veio mais uma duvidazinha aqui. Os sais de ormus que se obtém após lavar as cinzas. O que se faz com eles? Ponho no microondas? Diluo e jogo soda?

E essa estória da produtos da família ormus que o amigo cita a todo momento? Fiquei curioso em saber mais.

Por fim, o profano Divino inquire se se pode abreviar etapas e colocar o sal direto no microondas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Ferreira

avatar

Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cachorro
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO   Dom Dez 11, 2011 5:59 pm

Os sais que se obtem pela queima de vegetais toma-se e/ou guarda-se. É um produto acabado. O calor da queima é suficiente para fazer a carga. Só falta mesmo enfrascar e dar a intenção.

Se o profano divino quer fazer sal fino faz muito bem em o pôr no micro-ondas. Mas também fica sem Ormus.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Origem   Seg Dez 12, 2011 6:18 am

Ó professor Carlos, responda a essa questão abaixo... de onde vêm o ormus? Ou é pergunta sem resposta?

robson.melo escreveu:
Se entendi, poderiamos fazer uma analogia com a densidade. Se o ormus fosse denso, diríamos que a semente é densamente carregada de ormus, e a planta adulta é pouco densa. Porém, se contarmos a quantidade de ormus na semente e na planta adulta, a planta adulta terá mais.

Correto?

E de onde a planta adulta obtém esse incremento da quantidade de ormus? Da nutrição? Da respiração? Ou o ormus se multiplica por si quando a planta cresce?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Etc   Seg Dez 12, 2011 6:24 am

Se pensar que uma babosa "bebê" e uma babosa "idosa" possuem os mesmos monoelementos, porém em proporções diferenciadas (o mais jovem possui mais ormus por volume, e o segundo mais ormus acumulado no total), conjecturo duas hipóteses:
1 - A babosa capta no ambiente os monoelementos de que precisa à medida que se desenvolve, por exemplo, no ar e na água;
2 - O próprio organismo promove uma transmutação enquanto cresce e ele próprio produz o que precisa.

Eu sou mais propenso a acreditar na primeira possibilidade. Ainda que a biogênese já tenha sido mostrada para muitas substâncias. Mas quem sabe o professor Carlos tem uma terceira possibilidade?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Ferreira

avatar

Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cachorro
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO   Seg Dez 12, 2011 6:43 am

huummmmmmm... ... Essa história de "Professor" começa a mexer com a minha boa disposição. Não sou professor, embora goste de ensinar o que sei... mas adiante...

A aloé Véra só contem elementos monoatomicos se crescer em terra que os contenha. Os "Carrington Laboratories" tem uma plantação de Aloé Véra numa ilha dos Barbados, próximo a Cuba. A ilha é de origem vulcanica e os seus solos são muito ricos em elementos monoatomicos. É do Aloé dessa ilha queu que eles fazem o famoso "Acemannan", que foi usado durante alguns anos para curar cancros em animais mas que nunca foi aprovado para humanos. recentemente a FDA proibiu o seu uso mesmo para animais porque muita gente estava a ser curada com esse produto. Compravam para o cão e tomavam eles.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Etc   Seg Dez 12, 2011 6:51 am

Entonces, maestro, cada espécie retém os monoelementos afins que existam em abundância no meio ao redor. No caso da babosa (aloe) são ródio e irídio.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Ferreira

avatar

Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cachorro
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO   Seg Dez 12, 2011 8:08 am

Correcto. Há uma regra que diz que para saber se a planta acumula algum elemento em paricular se deve olhar para a cor das flores, dos caules e das folhas. A maioria das plantas tem folhas verdes mas também há uma quantidade que as tem roxas ou arroxeadas. Então utilize essas folhas para extrair Ormus. Se as flores forem cor de laranja, vermelho, rosa, roxo, ou violeta então terá mais Ormus. Se também tiver os caules vermelhos ou roxos então ainda terá mais Ormus. Mas esta regra só diz respeito ás plantas comuns. As da familia das Suculentas tendem a reter todas Rodio e Iridio independentemente da sua cor ou cor das flores.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Etc   Qui Dez 15, 2011 12:01 pm

Entre os 11 elementos ORMUS existentes na água do mar quais são monoatômicos e quais são diatômicos? Existe alguma diferença substancial entre uma e outra classe, além da quantidade de átomos?

O antimônio é encontrado sob a forma de ormus?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Ferreira

avatar

Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cachorro
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO   Qui Dez 15, 2011 3:48 pm

Só os elementos de transição na tabela periodica contem a anomalia que lhes permite entrar no estado mono ou diatomico. O Antimonio é um metal leve e está muito longe da zona de transição, logo não pode estar no estado-m.
Se entrar no meu blog poderá ver a tábua dos elementos mono e diatomicos. Mas penso que algures por aqui, ou no antigo Conhecimento Provisório, já publiquei essa tábua de elementos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
bionsblood

avatar


MensagemAssunto: Re: QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO   Qua Mar 28, 2012 6:12 pm

produzo ormes a alguns anos.vendo no ml e pelo emu site.
vou acrescentar algumas coisas.

brasileiros.
usem sal do rio grande do norte. nao usem de araruama. ate ontem, o sal de la era improprio para consumo humano.
produz quantidades pifias de ormes e [e o ormes cinza. com pouco ouro.


usem agua destilada,deionizada,de poco. nao usem agua da chuva. alem do diaxido de carbono hoje em dia contem bario,estroncio,aluminio.
se puderem usem um ozonizador,ormes feito com agua ozonizada produz 3 x mais. porem deve preciptar na meia vida do ozonio que [e 8 horas.
um ozonizador nada mais [e que uma descarga de alta voltagem. quem entende um pouco de eletricidade/eletronica pode produzir um facilmente om uns 10 reais.
lavem o precipitdo com agua e com vinagre. se nao usar o vinagre vai sobrar arbonato de alcio.que faz mal ao estomago.

a e leiam o livro os segredos da arca da alianca/
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ReginaldoPedrosoAquino



Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cobra
Localização : Barueri - SP

MensagemAssunto: Contato ORMUS   Ter Jul 31, 2012 12:21 pm

Boa tarde amigos,

estou iniciando meus estudos sobre ORMUS e achei este grupo muito interessante. Gostaria de agradecer antecipadamente todo o esforço e atenção que os colegas dedicam na divulgação dessas informações que julgo de supra importância para todos nós.

Fiquei um pouco triste e ver que desde março não existe novas mensagens para este tópico, não sei se o pessoal migrou para outra mídia, mas estou mandando está mensagem pois gostaria de manter contato a fim de melhorar meus conhecimentos sobre o ORMUS e seus métodos de extração.

Uma pergunta que sempre me encomada é:

Se ORMUS é extraido desde os tempos antigos e hoje para tal tarefa necessitamos do auxilio da tecnologia, como faziam nossos antecepassados para extrair o tão precioso ORMUS?

Então é isso pessoal, aguardo contato com o grupo.

atenciosamente,

Reginaldo Pedroso de Aquino
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 8 de 8Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8
 Tópicos similares
-
» M.D.C. - (todos os valores)
» Deus tem sempre uma resposta, para tudo para todos (Deus nos surpreende - Bruna Karla).
» Calcule a soma de todos os números inteiros maiores do que -300 e menores do que 501 que não são múltiplos de 15
» A paz do Senhor a todos!
» Diante Deus Todos os Homens São Iguais... Mesmo ???

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Sejam todos bem-vindos ao Conhecimento Provisório! :: Conhecimento Provisório :: Ormus-
Ir para: