Sejam todos bem-vindos ao Conhecimento Provisório!


 
InícioInício  CalendárioCalendário  GaleriaGaleria  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  
Últimos assuntos
» dúvidas no feitio de prata coloidal
Ter Jun 30, 2015 7:08 pm por jaimetche

» QRMUS -- MÉTODOS DE EXTRAÇÃO
Ter Jul 31, 2012 12:21 pm por ReginaldoPedrosoAquino

» MAGNETISMO OU MAGNETISMOS ?
Qua Mar 28, 2012 10:56 pm por bionsblood

» VIVER DE LUZ
Qua Mar 28, 2012 8:56 pm por bionsblood

» Pedra Filosofal
Qua Mar 28, 2012 6:33 pm por bionsblood

» ANO DO ARMAGEDON...SERÁ?
Qui Fev 02, 2012 3:45 pm por ajosesimoes

» Ormus de Ouro
Dom Jan 29, 2012 6:23 pm por Carlos Ferreira

» It's a kind of magic
Qua Dez 07, 2011 10:21 am por Carlos Ferreira

» ÁGUA OXIGENADA - MITO URBANO VS MONOPÓLIO FARMACÊUTICO
Sab Dez 03, 2011 11:24 am por rafaeluroz

Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Tópicos similares

Compartilhe | 
 

 Ormus de Ouro

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
rafaeluroz

avatar

Localização : Sao Paulo (Brasil)

MensagemAssunto: Ormus de Ouro   Sex Nov 04, 2011 7:07 pm

La vou eu de novo (o apresadinho rafael).
Bom a proposta é conhecer um pouco como estrair Ormus de ouro puro e quais as vantagens desse Ormus.
Como a amigo Carlos se dispos a nos dar alguma luz, eis aqui o novo topico Ormus de Ouro, como extrair, quais as vantagens e desvantagens.
Vamos partir do principio que temos em maos uma porçao, (o melhor swria uma pedra recem extraida de uma mina o mais pruro possivel e sem contaminaçoes e ouro 24 quilates). Vamos supor que todas essa condiçoes sao possiveis. Uma pedra de quantos gramos aproximadamente para iniciar os trabalhos (pergunta).
Rafael
P.S. Espero que este tema traga mais interesse (do que o anterior), se nao vamos ficar a falar, de novo, só o meu estimado amigo Carlos e este servidor que vos fala, com o entesuiasmo e alegria de sempre,
Rafael
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Ferreira

avatar

Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cachorro
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: Ormus de Ouro   Dom Nov 06, 2011 1:34 pm

Como pelos vistos o amigo Rafael não tem suficientes dores de cabeça resolveu arranjar mais um pouco.
Comece por arranjar o equipamento e depois pode seguir a receita que lhe trago. trata-se de uma forma simplificada do processo que David Hudson patenteou. Claramente ele deixo de fora o capítulo de carga e intenção mas isso já nós sabemos como fazer. Sirva-se e bom proveito. Lol




1) obtenha 50 mg de ouro 99,99 % puro em limalha e disperse-o em água régia para obter pequenos ajuntamentos de atomos de ouro.

2) misture 60 ml de ácido hidroclorico concentrado ao caldo obtido em 1 e leve a mistura ao lume para ferver e evaporar até o caldo ter somente cerca de 15 ml. Adicione novamente 60 ml de ácido hidroclorico concentrado e volte a pôr o caldo ao lume observando sempre até que não saia mais fumos do ácido. Se atingir os 15 ml sem que deixe de emitir fumos toxicos repita novamente a adição de ácido hidroclorico e deixe ferver novamente até não haver mais fumos. Nesse momento todo o ouro está transformado em ouro coloidal.


3) O volume de caldo que restou vai agora ser aquecido a lume brando até que se formem sais “somente secos” ( por somente secos pretende-se dizer que os sais não podem ser sobreaquecidos nem mantidos ao lume logo que toda a humidade se tenha evaporado a lume brando.


4) Os sais “ somente secos” são em seguida dispersos em água régia e os pontos 2 e 3 são novamente repetidos. Este tratamento resulta em ajuntamentos de moleculas de ouro com mais do que 11 atomos.
5) Junta-se 150 ml de acido hidroclorico concentrado aos sais somente secos e volta ao lume brando até evaporar todo o liquido e só restarrem sais somente secos. Repita esta operação mais quatro vezes tendo sempre o cuidado de NUNCA deixar que os sais sobreaqueçam. Este procedimento providencia micro ajuntamentos menores do que 11 atomos por molécula. No final desta operação obtem-se um sal de ouro cloridrrico de cor vermelha alaranjada. Estes sal analizado dá como resultado Au2C16, ou seja, ouro cloridrico com um total de 16 atomos no conjunto ouro/acido.

6) Misture sodio cloridrico (sal comum) com água bi-distilada usando um peso de vinte moles de sodio cloridrico por cada mole de sais de ouro *. Disperse os sais nessa solução. Dilua o caldo resultante em 400ml de água bi-distilada. A presença da sodio cloridrico é necessária para obter um sal com a seguinte formula quimica Na2Au2C18 e a presença da água bi-distilada é essencial para subdividir os diatomos de ouro.

7) O caldo preparado em 6 vai agora ser fervido em lume muito brando( forte o suficiente para conseguir ferver ao fim de um quarto de hora) Até chegar ao estado de sal. Depois volta a adicionar 200ml de água bi-destilada e ferve a lume brando até obter novamente sal em seguida mistura os sais em seis volumes de acido hdroclorico. Continua a repetir a mistura de água bi-distilada e os seis volumes de acido hidroclorico fervendo sempre em lume muito brando até que não note mais alteração na cor dos sais.

Cool Após o último tratamento com acido hidroclorico e subsequente fervura até aos sais, estes são diluidos em 400ml de água bi-distilada e assim obteremos uma solução de sais de ouro monoatomico correspondente à formulaNaAuC12XH20. O PH da solução deve ser aproximadamente 1 .

9) O PH vai agora ser ajustado MUUIITO devagar adicionando gota a gota uma solução de soda caustica em água bi-distilada mexendo constantemente a água até o PH chegar e ficar em 7 pelo menos doze horas. Este ajustamento poderá levar vários dias e deverá haver todo o cuidado para NÃO deixar o PH exceder 7 durante a operação de neutralização da acidez.

10) Depois do PH estar estabilizado em 7 a solução é novamente fervida em lume muito brando.até o volume estar mais ou menos em 10 ml. Nessa altura junte 10 ml de acido nitrico concentrado e obterá nitrato de sodio-ouro. Como será aparente o nitrato é um oxidante o qual vai remover o clodridrico do ouro cloridrico. O produto obtido deverá ser um precipitado branco. Se aparecer um precipitado de cor preta ou castanha isso significará que ainda existe Na2Au2C18 na mistura. Se tal acontecer terá de reiniciar a operação começando no número 1.

11) Se obtiver precipitado branco vai ferver sempre muito lentamente até obter sais “somente secos”. Em caso algum poderá deixar os sais torrar em lume forte.

12) Agora adicione 5 ml de acido nitrico concentrado e ferva de novo em lume muito brando até ter sais somente secos. As operações 11 e 12 completam a oxidação pelo que neste momento não há cloridratos presentes.

13) Adicione 10ml de água bi-distilada e ferva novamente até chegar aos sais somente secos. Repita uma vez este procedimento. Esta operação eliminará qualquer resquício de acido nitrico que ainda esteja presente no inicio desta etapa.

14) Em seguida os sais somente secos são diluidos em 80ml de água bi-distilada. A solução deverá ter um PH de 1 ou muito próximo desse valor. Esta operação fará a dissociação dos nitratos restantes e deixará NaAu em água, restando somente uma ligeirissima quantidade de HNO3.

15) Agora ajuste lentamente o PH como já fez anteriormente usando uma soluçao de soda caustica gota a gota até chegar a PH7+0,2. Esta operação eliminará qualquer resquício de HNO3( acido), deixando somente NaAu em água.

16) O NaAu hidroliza-se com a água bi-distilada e forma Hau. O produto desta operação é num precipitado branco. Os atomos de ouro tem água agarrada na sua superficie o que faz com que ganhem volume e uma aparencia de algodão a flutuar na água.

17) O precipitado branco vai agora ser decantado e verificado para ver se há algum material de cor cinzento escuro. Se houver terá de ser removido à mão após filtragem com filtro de papel de nitrato de celulose de 0,45 micromilimetros. O material cinzento deve ser sujeito ao procedimento total desde o número 1.

18) O precipitado filtrado´e seco a 120 graus centigrados em vácuo durante duas horas. Os sais deverão ser de cor cinza muito claro o que corresponde a HAu x XH2O e é fácilmente removido do filtro de papel.

19) O ouro monoatómico vai agora ser colocado num vaso de porcelana sem vidragem e vai ser aquecido a 300 graus centigrados dentro de uma redoma selada cheia de um gaz inerte (argon, azoto, etc.) para remover os atomos de Hidrogénio ainda agarrados ao atomo de ouro e para formar um monomero de ouro térmicamente e quimicamente estavel.

20) Após arrefecer, o ouro monoatomico acabado de queimar pode ser limpo de quaisquer traços de sodio fazendo ser digerido por acido nitrico durante cerca de uma hora.

21) O insoluvel ouro monoatomico é filtrado com o mesmo tipo de filtro de papel já usado antes após lavagem com água bi-distilada. Seguidamente é seco a 120 graus centigrados em ambiente de vácuo durante duas horas. O pó resultante é da filtragem e secagem é puro ouro monoatomico.

• Para calcular com facilidade o peso do sal a adicionar explicado no número seis faça a seguinte operação. Pese os sais de ouro e multiplique por 196,7. Seguidamente pese uma pequena quantidade de sal comum e multiplique por58,443. Os resultados vão lhe mostrar o numero de Moles em presença. Depois é só calcular quanto sal é necessário para fazer vinte vezes o numero de moles de sais de ouro.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
rafaeluroz

avatar

Localização : Sao Paulo (Brasil)

MensagemAssunto: Re: Ormus de Ouro   Seg Nov 07, 2011 10:01 am

Maravilhosa explicaçao Carlos!
Apenas uma colocaçao para algum colega que nao saiba o que é Agua Regia que é uma mistura de acido nitrico e acido cloridrico concentrados, normalmente na proporçao de 1 para 3. É um dos poucos compostos que pode dissolver metais nobres como o ouro e a prata. (quem quiser mais detalhes é só procurar na internet que tem muiota explicaçao a respeito.
E entao quem se habilita.
Abraços freternos,
Rafael
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Ferreira

avatar

Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cachorro
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: Ormus de Ouro   Seg Nov 07, 2011 12:05 pm

as dificuldades deste processo estão no equipamento e no tempo que leva. Quanto ao resto não apresenta muita dificuldade. No entanto quero chamar a atenção para o facto de o Ormus de Ouro não ter qualquer acção curativa. É na área da perspicácia, sabedoria e desenvolvimento espiritual que este tipo de Ormus actua. Há quem prefira iniciar a toma de Ormus com Ormus ouro porque isso ajuda a entender o significado das esplicações quando decidem aprender como o fazer. De certa forma, após tomar Ormus ouro por algum tempo o significado das explicações tornam-se evidentes imediatamente após as receberem. Também há quem afirme que depois de tomar Ormus ouro durante um bom tempo torna-se possível comunicar telepaticamente, mas tanto quanto sei nunca apareceu ninguém que afirmasse ter-lhe acontecido essa manifestação.

Outro aspecto que ressalta desta receita é a diferença entre ouro ou prata coloidal e esses mesmos elementos no estado Ormus.

Muita luz para todos
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
robson.melo

avatar


MensagemAssunto: Etc   Qui Nov 10, 2011 12:43 pm

Haja equipamento! O mais difícil que vi, além da queima com gás inerte, é monitorar a temperatura de queima, ainda mais num dispositivo a gás, pois fogão elétrico não serve para fazer ormus (gera campo magnético).

Fazer ormus de água do mar e de vegetais é bem mais simples. Mas algum dia me aventuro.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Ferreira

avatar

Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cachorro
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: Ormus de Ouro   Qui Nov 10, 2011 1:19 pm

É isso Robson, o equipamento é o mais difícil de obter. Tem de ter um forno de alta temperatura e uma caixa de vácuo onde colocar o material na fase de limpeza final dos átomos agregados ao Ouro. Como isso acontece entre os tresentos e os quatrocentos graus, o melhor é ter um forno equipado com pastilha térmica que lhe dá a leitura da temperatura em formato digital. Também precisa ter uma estação de enchimento de gaz e de extração de ar como usam os técnicos de ar condicionado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rick




MensagemAssunto: Uma pergunta   Dom Jan 29, 2012 4:44 pm

Olá a Todos !

Uma questão: Por acaso este Ormus de Ouro é a mesma coisa que ouro monoatômico ?

Eu li em algum lugar que este ouro em formato não metálico, transforma a pessoa de uma forma muito radical.
Se a pessoa não estiver preparada, fica mluca.
Em relação à viver de luz, ao ingerir este ouro monoatômico, a pessoa já não precisa mais se alimentar. É uma forma rápida para se viver de luz. É um grande salto no desenvolvimento espiritual, mas como é óbvio, é um processo forçado e portanto a pessoa tem que ter preparação senão fica maluca. Foi o que eu li. Não sei se é verdade.

Há sites na internet que vendem este ouro monoatômico.


Última edição por Rick em Dom Jan 29, 2012 9:52 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Ferreira

avatar

Zodíaco : Peixes Horóscopo chinês : Cachorro
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: Ormus de Ouro   Dom Jan 29, 2012 6:23 pm

Que eu saiba nunca ninguém ficou maluco por tomar qualquer dos elementos monoatomicos e também não sei de ninguém que tenha deixado de comer após ter tomado Ormus de ouro.
Ormus é o nome dado ao conjunto de elementos monoatomicos entre os quais está o ouro monoatomico.
Veja o outro tópico sobre os métodos de extração de Ormus. Vai encontrar muita informação sobre o que é e para que serve esse produto.

Muita luz
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Ormus de Ouro   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Ormus de Ouro
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» USB banhada a ouro
» Massa do ouro obtida
» Maneiras de recuperar o ouro
» Massa de Ouro
» Mercado do Ouro - Massa Molar

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Sejam todos bem-vindos ao Conhecimento Provisório! :: Conhecimento Provisório :: Tema da semana-
Ir para: